Super Mario World


Super Mario World foi a primeira aventura do canalizador mais famoso do mundo na consola 16 bits da Nintendo, a mítica Super Nintendo. Tendo em conta o sucesso do seu predecessor Super Mario Bros. 3, tanto as expectativas como as exigências estavam ao mais alto nível, quer pelos fãs como pelos criadores desta grande franchise, iria a Nintendo conseguir tornar este jogo como um grande marco na sua história de sucessos? Ou iria cair em desgraça desapontando fãs e perdendo para o seu directo rival Sonic?

A resposta como todos vocês sabem, ou pelo menos os de entre vocês que se podem chamar de gamers, foi um estrondoso sucesso, sendo até à data o jogo mais vendido de sempre na Super Nintendo e aclamado pela crítica como um dos melhores jogos de plataformas existente, título esse que ainda não perdeu significado e relevâncias nos dias de hoje, sendo bastante difícil encontrar um rival à sua altura nas consolas de nova geração… tirando secalhar o título mais recente desta franchise: New Super Mario Bros. Wii.

História


A história começa com o Mario e o Luigi a levarem a pricessa Peach numas férias de luxo ao mundo dos dinossauros algum tempo depois dos eventos que tiveram lugar no Super Mario Bros. 3. Durante essa viagem, o Bowser volta a fazer das suas e rapta a princessa Peach. E a quem cabe salvar a princessa? Aos irmãos canalizadores pois claro. Cabe-lhes a eles percorrerem um caminho cheio de percalços, tendo que explorar todos os níveis que lhes vão aparecer à frente, e pelo caminho terão de pôr em risco o pêlo dos seus bigodes para derrotar alguns bosses, desbloquear vários segredos espalhados pelo mundo e claro, destruir os castelos de todo o império do Bowser. Felizmente, eles desta vez não estarão sozinhos, podendo contar com a ajuda do verdadeiro melhor amigo do homem… um cão? claro que não… um dinossauro pois claro, e todo apetrechado com umas belas botas… E como se chama este lendário personagem?

Yoshi

Pois é meus amigos, foi neste título que foi pela primeira vez introduzido um dos mais famosos sidekicks da histórias dos videojogos… o grande Yoshi. Este espectacular dinossauro em botas apenas pode ser descrito com uma palavra: AWESOME. O mesmo introduz no jogo um novo tipo de mobilidade ao Mario, permitindo-lhe andar a boleia a uma velocidade estonteante e fazer um duplo salto descartando o Yoshi, facilitando também o combate com os diversos adversários que somos confrontados, seja saltando-lhes em cima ou recorrendo à lingua marota do Yoshi. Andando com o Yoshi pelos níveis fora temos também a possibilidade de o alimentar com maças, que equivalem à comum moeda, e de engolir por inteiro ou parcialmente certos inimigos.

Jogabilidade

Com certeza um jogo de referência no que toca a jogabilidade, simplesmente genial. Quem precisar de um jogo para usar como referência num pináculo de excelência em termos de jogabilidade têm aqui um bom título para usar. Em relação aos anteriores títulos houve uma ligeira melhoria no que toca a controlos, e a adição de novas features (como o épico Yoshi) e o facto de terem sido mantidos a maior parte dos powerups dos títulos anteriores é simplesmente a cereja no topo do bolo.

Este jogo é pura e simplesmente diversão sem fim, juntem amigos à combinação e o resultado é uma comboiada onde as horas passam e quem começa de noite muitas vezes se deparava com o nascer do sol… surpreendidos? com certeza, mas sempre com a sensação de uma noite bem passada.

Longevidade


Este jogo conta com uma longevidade impressionante. Existem inúmeros níveis, várias maneiras de os passar, zonas secretas e uma inúmera panóplia de coisas para desbloquear… não esquecendo a Star Road. Neste título é também possível jogar com um amigo, alternando a vez quando se passa um nível ou se perde uma vida, o que só por si aumenta a longevidade devido a nos proporcionar uma experiência diferente de jogo.

Outra coisa bastante importante a referir aqui é que o valor de replay do jogo é assombroso, sendo daqueles jogos que se acaba vezes sem conta sem ficarmos fartos do mesmo. Especialmente no mundo do Mário, que costuma haver sempre uma luta aguerrida entre fãs para ver quem consegue acabar o jogo demorando menos tempo.

Apreciação final

Existe muita gente que prefere o seu predecessor, ou então títulos mais recentes como o Super Mario Galaxy, mas para mim este jogo é único, passei grande parte da minha infância a jogá-lo e mais tarde voltei a revisitá-lo com novos amigos nas directas que se passava a fazer projectos para a universidade. Independentemente de serem ou não fãs da direcção actual que a Nintendo está a seguir, este jogo merece nota máxima seja qual for a escala utilizada.

Espero que tenham gostado, e que revisitem este velho clássico da Nintendo.

~ por Izilthir em Sábado, 2 \02\UTC Janeiro, 2010.

2 Respostas to “Super Mario World”

  1. o mario é o jogo mais divertido da net eu priscila adoro jogar é incrivel magnifico

  2. Por acaso foi este o jogo que uma determinada pessoa chegou ao fim, enquanto outros suavam do bigode para fazer um projecto?? Aliás chegou ao fim com ajuda do pessoal que fazia o projecto lol.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: